Páginas

2012-01-26

Everything's fine until it's not II - ou um pouco mais a declarar

Ontem eu estava assistindo um filme quando me lembrei da "melhora da morte" - aquele momento em que uma pessoa muito doente, já desenganada, melhora subitamente sem nenhum motivo aparente. E então morre no dia seguinte. Pensei então em como eu estava me sentindo bem esses dias, subitamente renovada, como se finalmente as coisas estivessem no seu lugar, e em como seria irônico se isso fosse algum tipo de calmaria antes da tempestade - pra dizer o mínimo.

E isso, senhoras e senhores do júri, é um exemplo perfeito da minha auto-sabotagem.

Vou tentar considerar isso como só mais uma ~flutuação de humor~, e vamos vivendo. Não tem outro jeito de saber como as coisas vão ficar, afinal.

2 comentários:

Ferfa disse...

Larissa disse...

eu tive esse momento. o ápice, a ideia de um 2012 cheio de coisas boas, com uma semana cheia de surpresas e oportunidades, e a semana posterior (essa, de agora) mostrando as perdas, as derrotas. Mas não significa que 2012 será todo assim né? (quem eu tô tentando enganar, não sei ser otimista).